quarta-feira, maio 29

Pensai numa mãe solteira que vai à Igreja, à paróquia e diz ao secretário: Quero batizar o meu menino.
E quem a acolhe diz-lhe: Não tu não podes porque não estás casada.
Atentemos que esta mãe que teve a coragem de continuar com uma gravidez o que é que encontra?
Uma porta fechada. Isto não é zelo! Afasta as pessoas do Senhor! Não abre as portas! E assim quando nós seguimos este caminho e esta atitude, não estamos fazendo o bem às pessoas, ao Povo de Deus.
Jesus instituiu 7 sacramentos e nós com esta atitude instituímos o oitavo: o sacramento da alfândega pastoral. (...) Quem se aproxima da Igreja deve encontrar portas abertas e não fiscais da fé!" (Papa Francisco)



domingo, maio 26

Que a gente tenha:
Astral bonito. Prece nos lábios. Saudade mansinha. Fé no futuro. Delicadeza nos gestos. Conversa que cura. Cotidiano enfeitado. Firmeza nos passos. Sonhos que salvam. "
  ( Caio Fernando Abreu.)


sexta-feira, maio 24

Algumas pessoas a gente nem imaginava que existiam, mas, meu Deus, que agrado bom é para a alma descobrir que vivem. Que estão por aqui conosco. Pessoas que fazem muita diferença na nossa jornada
( Ana Jácomo)


Quem serão estas três?
 Beijinhos

quinta-feira, maio 23

“Quando tudo nos parece dar errado,acontecem coisas boas ,que não teriam acontecido ,se tudo tivesse dado certo.”
(Renato Russo )

 Hoje li esta frase e fez-me pensar no que tem acontecido comigo nestes últimos cinco anos,passei por tanta coisa e quando tudo parecia dar errado a minha vida ganhou tanta coisa boa.
Hoje acredito que mesmo que algumas coisas possam dar errado isso não é o fim do mundo
Nunca devemos baixar os braços,temos que acreditar!!!


quarta-feira, maio 15


Andei pensando no quanto somos frágeis.
Uma simples gripe nos torna fracos.
Uma palavra mal empregada nos abate.
Um abraço não dado nos faz sofrer.
Um sentimento não vivido faz a gente perder a esperança.
Tenho um pouco de medo da duração das coisas.
Antes, eu acreditava no eterno.
Mas depois de tantos percalços, tantas coisas perdidas e tantos nãos guardados no bolso eu já não sei mais. Não sei se ainda existe a sinceridade.
No ato, no fato, no tato.
Sempre gostei de ser verdadeira, mas não sei até onde isso me leva.
Não, eu não quero levar vantagem em nada.
Só quero a reciprocidade, a sinceridade do outro como recompensa.
Ando frustrada ao constatar que amigos verdadeiros posso contar apenas em uma mão.
E, ainda assim, não sei se posso ser verdadeira com eles.
Uma palavra atinge, fere, frustra, repele.
 Eu digo o que penso e defendo quem amo.
Meu jeito é esse.
Minha forma de agir é essa desde que nasci.
Não sei se isso é certo, errado ou legal, mas não conheço outra forma de ser.
Todo mundo vai nos decepcionar um dia. já me decepcionaram, já decepcionei, mesmo sem querer.
E a vida segue assim.
Só não entendo como uma pessoa não pode ser ela mesma com outra sem causar algum constrangimento ou não satisfação.
Acho que tudo é equilíbrio: eu tento te entender, você tenta me entender.
Eu procuro me colocar no seu lugar, você procura se colocar no meu.
Se eu vejo que passei do ponto peço desculpa, se você vê que passou do ponto você pede desculpa. Ninguém é sempre santo ou sempre devasso.
Ninguém é dono da verdade, nem melhor que ninguém.
Por isso, a gente guarda a arrogância no fundo do peito, engole o orgulho e dá o primeiro passo.
Alguém tem que dar o primeiro passo, não é mesmo?
Mas quer saber?
Eu cansei de sempre dar o primeiro passo.
Sei perdoar.
Ou pelo menos me esforço para isso.
Tento me perdoar, tento te perdoar. Então eu pergunto: e você?
Você sabe?
Lido com meus erros, com minha impaciência, com minha chatice, com minha imperfeição, com minha inveja, com meus sentimentos mundanos e não tão nobres. E você?
Estou longe de ser a pessoa mais bacana do mundo, mas realmente fico feliz com sua alegria, com sua satisfação.
Você fica com a minha? Você torce mesmo por mim? Você vibra com meus passos certeiros?
As relações são muito frágeis.
As amizades, mesmo longas e firmes, são muito frágeis.
O amor, por mais forte que seja, é muito frágil.
Porque todo mundo se magoa, se fere, se atinge. Mesmo sem querer. Mas o que importa é o que a gente faz com isso, como a gente lida com a situação.
O que importa é a gente querer fortalecer as coisas.
Com clareza, maturidade e entendendo que não existe lado A ou B: todo mundo está do mesmo lado.

 (Por Clarissa Corrêa)

segunda-feira, maio 13

Além dos meus espinhos eu tenho também muitas flores


                                                  Nossa Senhora de Fátima
                                                         Rogai por Nós


É assim que me sinto: amanhecendo.
 Ser feliz é uma obrigação.

 "Caio Fernando Abreu"



É exatamente disso que a vida é feita, de MOMENTOS.
Momentos que TEMOS que passar, sendo bons ou ruins, para o nosso próprio aprendizado.
Nunca se esquecendo do mais importante: Nada nessa vida é por acaso.
Absolutamente nada.
Por isso, temos que nos preocupar em fazer a nossa parte, da melhor forma possível.
A vida nem sempre segue a nossa vontade, mas ela é perfeita naquilo que tem que ser.

Chico Xavier