segunda-feira, setembro 5

Botando a cabeça a funcionar nº 17

Hoje é dia de botar a cabeça a cabeça a funcionar inspirando-nos nesta imagem que a amiga Chica publicou no seu blog...http://chicabrincadepoesia.blogspot.pt/

Esta imagem inspira-me - Saudade

Chegava cansada do trabalho mas,sempre passava pela casa da mãe,a primeira coisa que fazia era descalçar-se e os ténis sempre ficavam ali mesmo em frente ao sofá, corria para a cozinha onde a mãe já tinha na mesa uma chávena de chá,umas bolachinhas ou o bolo que ela sempre fazia com tanto carinho.
Enquanto comiam aproveitavam para conversar,falavam dos netos e dos bisnetos (o assunto preferido das duas)

Mãe tenho que ir embora!

Ainda é cedo filha,vai sentar um bocadinho no sofá ,vem descansar
 mais um pouco e lês a revista que comprei hoje.
Sempre acabava por ficar,claro que a revista não chegava a ser lida,a conversa entre as duas era sempre o mais importante.
Naquela sala onde nunca faltavam as flores que ela adorava,muita coisa foi dita e partilhada entre as duas.
Foram momentos lindos que ficaram para sempre na memória e no coração

Quando finalmente voltava para casa sentia uma tranquilidade indescritível.
Aquele mimo ao fim da tarde fazia-lhe tão bem
                                

                                      Este não é um post triste!
  São recordações lindas de uma filha com muita saudade da mãe.
                                                  Natália Fera

                                  Boa semana para todos!
                                                   Beijos.

11 comentários:

  1. Que linda tua inspiração e doce a tua saudade. Momentos lindos lá vividos e devem ser recordados com carinho sempre! Obrigadão por brincar! Levei teu link! bjs, chica e linda semana!

    ResponderEliminar
  2. Natália, é bom estar por aqui logo cedo e ver a sua ótima participação.
    Lembranças boas! Saudades saudáveis!
    (Gostei de saber pela Ailime um pouco de vc, alegria e entusiasmo)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Anete.
      Fico feliz por saber que a Ailime lhe falou de mim.
      Essa sou mesmo eu rsrsrs.
      Beijinhos.

      Eliminar
  3. As lembranças são registros importantes das nossas vidas, são elas que mantêm o Amor pelos nossos entes queridos ausentes, bjs

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde Natália,
    Como tem passado?
    Muito comovente o seu relato.
    Fiquei de lágrima no olho.
    Ficaram essas boas recordações da vossa cumplicidade que são como que um lenitivo que ajuda no caminhar!
    Beijinhos e uma boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  5. Adorei esta partilha querida Natália! Comovi-me mesmo! Beijnhos amiga
    Maria

    ResponderEliminar
  6. Linda história!
    Boas memórias fazem bem à todos! Recordar desses momentos é muito bom!
    Obrigado pela visita!
    Bjs do Neno

    ResponderEliminar
  7. Boa noite Natália
    Linda e doce recordação
    Relembrar os momentos felizes, coroados de cumplicidade é um refrigério para serenar a saudade
    Muito linda a sua inspiração que trouxe comoção ao nosso coração e nos fez viajar para outros tempos em outra história mas num contexto amorosamente familiar
    Beijos e uma semana iluminada

    ResponderEliminar
  8. Olá Natalia de uma imagem, uma bela viagem no tempo, numa misto de ternura e saudades.
    Perfeita sua inspiraçao na bela participação.
    Muito boa.
    Abraços com carinho amiga.
    Boa semana para voces.

    ResponderEliminar
  9. Oi Natalia
    Lendo sua linda recordação, penso que você resgatou os mais ternos momentos entre você e sua mãezinha querida. O momento de tirar os tênis de tomar o chá, das conversas, da revista não lida, mas dos segundos aproveitados com ela. Quantas saudades eu sei.
    Foi muito bom chegar aqui, ler suas recordações e ver o sorriso de sua mãe.

    boa semana amiga
    Zizi

    ResponderEliminar
  10. Emocionante, Natália! Eu adorei. Uma lindeza de mãe e filha!Beijinhos!

    ResponderEliminar

Amo quem chega trazendo Carinho, Sorrisos, Alegria e Paz para a nossa Vida.