quarta-feira, dezembro 21

Poeminha de Natal


 Desde os tempos mais remotos
Diziam as profecias
Que viria a este mundo
O esperado Messias.

Num pequeno povoado,
Lá longe, no Oriente,
Por um anjo anunciado
Ele estaria com a gente.

A jovem abençoada,
Que se chamava Maria
Foi então a escolhida
Pra nos dar essa alegria.

Fruto do amor divino,
Nasceu num rastro de luz
Esse lindo Deus-menino
A quem se chamou Jesus.

Ele veio pra mostrar
O Seu exemplo ao mundo:
Da humildade, do perdão
E do amor mais profundo.

Nesta época de Natal
Vamos celebrar bastante,
Mas nos lembrarmos primeiro
Do Aniversariante!
Quem nos guia, nos conduz...
Parabéns, Menino Jesus!!

(Oriza Martins)

FELIZ  NATAL


quinta-feira, dezembro 8

VII Interação Fraterna de Natal
 Mais um vez é com grande prazer que estou participando com a querida Roselia na Interação Fraterna de Natal.
O tema proposto é:
Como vou adornar a minha árvore de Natal.

 Na minha sala a minha árvore de Natal já brilha!
Para mim ela tem o significado de gratidão pelo nascimento de Jesus
e também de Esperança,Paz ,Vida Alegria

Adornei-a com bolas coloridas que representam as maçãs que eram penduradas na antiguidade nas árvores sagradas para fazerem com que os espíritos da natureza e fecundidade voltassem à Terra.

Também tem pinhas essas têm um duplo significado: por um lado, simbolizam o secreto, uma vez que estão fechadas, e por outro lado a união que deve existir em família.
Além disso, as pinhas são sinal de esperança e representam a imortalidade.
Coloquei sinos que representam a mensagem de alegria que é a chegada do Natal.
O topo da minha árvore foi adornado com a estrela um dos enfeites mais importantes da árvore de Natal .
Ela representa a estrela de Belém. Foi ela que guiou os três Reis Magos até o local onde havia nascido Jesus. Por esse motivo, além de indicar a localização do Menino Jesus, a estrela simboliza o próprio Cristo, que representa a "estrela guia da humanidade".
Mas
há mais,
muito mais
 para adornar a minha árvore
do que bolas ,luzes de velas e alegria
 há o espírito da doce amizade
 a  consideração,a bondade
e a esperança renascida novamente
para a paz, para o entendimento, e para benevolência
Mas este ano além desta árvore de Natal que está na minha sala resolvi fazer outra muito especial.Não se vê mas está dentro do meu coração .

Armei-a na sala do meu coração, nada virtual, apenas uma opção, entre o real e o imaginário dessa festa, onde muita gente anda confundindo, com mais um feriado prolongado de fim de ano.
Queria uma árvore simples, que falasse de esperança, que me lembrasse os tempos de criança, onde eu fui feliz com tão pouco, e o presente era tão simples como um abraço.
Na minha árvore coloquei bolinhas coloridas, que representavam, cada uma delas, uma pessoa, alguém que passou pela minha vida e deixou uma marca.
As primeiras, representavam meus pais, uma bem colorida lembrava minha mãe, com seu avental pendurado, as mãos ocupadas, o carinho era tanto que fazia a lâmpada acender sozinha.
Uma maior, com menos brilho lembrava meu pai, com seu jeito durão e louco para dar um abraço, parecia um pisca pisca, de tanta emoção.
Algumas bolinhas eram puras lembranças… Amigos da escola, a professora do pre-zinho, a tia da cantina que me servia com amor, amigos da rua com quem eu brincava, formavam uma cascata de luzes, que me remetiam ao passado…
Na minha caixa de Natal, peguei uma bolinha especial, linda, colorida e translúcida, era o meu primeiro amor, algumas lágrimas desceram sem eu perceber… a emoção foi tão grande que parei no tempo.

Quantas recordações…

Mais bolinhas coloridas, gente amiga que tanto me ajudou. quanta saudade, quanta gratidão… Até que vieram as bolinhas descascadas, sem cor, sem brilho, pessoas que eu magoei, que me magoaram, frutos de desavenças e brigas tolas, gente que eu não via há tanto tempo. E foram essas bolinhas que eu quis colocar no alto da árvore, para me lembrar que eu ainda precisava aprender a perdoar, gente que eu preciso reencontrar e acender uma nova luz.
No alto da árvore, no centro do meu coração, coloquei a bolinha mais iluminada, que eu segurava como se fosse um relicário, para declarar meu amor ao Mestre da Luz, desejando feliz aniversário, para Aquele que dá sentido à nossa jornada, que ensinou a amar, trouxe de novo a paz, iluminou a árvore da humanidade ferida, para sempre, Jesus, caminho, verdade e vida!

"Paulo Roberto Gaefke"
FELI NATAL


Querida Roselia
Que nesta época de Natal possamos renovar nossa amizade e nossa cumplicidade,esse sentimento especial que nos une e que nos transforma em irmãs de fé e verdadeiras amigas.
Que o Menino Jesus traga as bênçãos de um Natal cheio de alegrias para você e sua familia.

quinta-feira, dezembro 1



Dezembro chegou!!!
E com ele vem a esperança de um novo ano que está tão pertinho...
Vem recordações de um ano que está no fim. Coisas boas... coisas ruins... Aprendizagem!! 
 Dezembro mês de reflexão...

Com a chegada do último mês do ano, as atenções se voltam para o Natal!
As cidades se enfeitam, as famílias montam as suas árvores e seus presépios…
É o chamado “Espírito de Natal” que surge!
Parece que a paz e a fraternidade – tão esquecidas em nossos tempos – continuam insistindo em dar as caras nessa época do ano!
E por que não aproveitar e praticar?
Um pouco mais de paz e fraternidade nunca são demais! Se cada um de nós fizesse um pouquinho, a cada dia, o mundo com certeza seria um lugar melhor de se morar!

Feliz Dezembro para todos